Manuela a Joice: “precisamos que você fale tudo o que sabe sobre essa gangue que espalha mentiras”

07/11/2019 0 Por Redação Urbs Magna
Manuela a Joice: “precisamos que você fale tudo o que sabe sobre essa gangue que espalha mentiras”

Em carta aberta a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), a ex-deputada Manuela D’Ávila manifestou solidariedade, mas lembrou que a parlamentar minimizava a influência do discurso de ódio e o machismo e muitas vezes participava dele


“Queremos e precisamos que você fale. Sobre você, claro. Sobre sua dor. Diferente de mim, que fui vítima e pouco sabia sobre meus algozes, você esteve com eles até a pouco. você pode e deve falar. Você pode informar a polícia, ao poder judiciário e a opinião pública tudo o que sabe sobre essa gangue que espalha mentiras para destruir as pessoas e que assim, governar ao Brasil.”, destacou Manuela D’Ávila em mensagem à deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), que denunciou ataque machista da milícia bolsonarista nas redes


WHATSAPP

TELEGRAM
Receba nossas NOTÍCIAS.
Acesse e siga as INSTRUÇÕES
Receba nossas NOTÍCIAS.
Acesse e siga NOSSO CANAL

Manuela lembrou de um debate no qual participou com Joice em que ela defendia que “bastava ‘se impor no grito que tudo estaria resolvido'”. 

“Fico sinceramente triste por você ter percebido, na prática, que aquilo que eu dizia era real de uma maneira tão brutal e cruel. O machismo existe ali porque existe no mundo”, destacou Manuela, se referindo ao dicurso da parlamentar nesta terça-feira (5), na tribuna da Câmara, em que ela foi às lágrimas ao criticar o que chamou de “gangue” os que comandam “um massacre público” contra ela no “submundo da internet”.


Curta nossa página oficial e receba notícias primeiro:
(clique na imagem abaixo)



CONTINUA APÓS A SEÇÃO ABAIXO:

Leia também outras notícias desta terça (12 de novembro de 2019)
1) INACREDITÁVEL: Bolsonaro acaba com o DPVAT e prejudica 4,5 milhões de pessoas só para atingir seu adversário Luciano Bivar, que detém 2% da seguradora

“Nunca fui de me vitimizar, nunca. Mas foi a primeira vez que eu realmente me senti vítima do mais sujo machismo, do mais sujo machismo: encomenda de dossiês falsos, montagens. A minha família não vai passar por isso. Eu não vou permitir. Não tivessem mexido com a minha família, talvez eu até amenizasse, mas não o farei”, enfatizou a deputada, afirmando que existe no país a “república do Twitter” e a “república da filhocracia”.

Manuela disse que Joice precisa ir além da indignação. “Queremos e precisamos que você fale. Sobre você, claro. Sobre sua dor. Diferente de mim, que fui vítima e pouco sabia sobre meus algozes, você esteve com eles até a pouco. você pode e deve falar. Você pode informar a polícia, ao poder judiciário e a opinião pública tudo o que sabe sobre essa gangue que espalha mentiras para destruir as pessoas e que assim, governar ao Brasil”, destacou.

via Brasil 247

Anúncios