Sem dinheiro, Bolsonaro corta até verba do Exército, que fica sem expediente às segundas

30/08/2019 1 Por Redação Urbs Magna
Sem dinheiro, Bolsonaro corta até verba do Exército, que fica sem expediente às segundas

Bolsonaro corta recursos do Exército, que cancela expediente às segundas-feiras – No documento, o comandante diz que houve um corte de 28%, afetando inclusive programas estratégicos. Orçamento do Exército autorizado para 2019 é pouco mais da metade (54%) da dotação recebida em 2015


O comandante do Exército, general Edson Pujol, enviou um e-mail ao Alto Comando do Exército nesta quarta-feira (29) comunicando que o corte de recursos promovido por Jair Bolsonaro (PSL) fez com que ele cortasse o expediente às segundas-feiras do mês de setembro.


Continua após o anúncio


“O contingenciamento ora imposto impacta, de forma significativa, a capacidade de custeio do Exército, exigindo medidas severas para que seja possível honrar os contratos com concessionários e outras despesas inerentes à vida vegetativa da Força”, relata Pujol no e-mail, que foi obtido pela reportagem da Folha de S.Paulo.

No documento, o comandante diz que houve um corte de 28% do orçamento do Exército neste ano, afetando inclusive programas estratégicos.

Segundo a Folha, o general diz ainda que o orçamento do Exército autorizado para 2019 é pouco mais da metade (54%) da dotação recebida em 2015.

via The Intercept Brasil / Folha de São Paulo


SIGA Et Urbs Magna

FacebookTwitterInstagram
Anúncios