Guedes já assinou a MP que tira o Coaf das mãos de Moro

19/08/2019 0 Por Redação Urbs Magna
Guedes já assinou a MP que tira o Coaf das mãos de Moro

Com a decisão, a estrutura hoje comandada por Roberto Leonel, que apareceu na Vaza Jato acusado de quebrar informalmente sigilos fiscais, passa para o Banco Central e não mais estará subordinada ao ministério da Justiça, conduzido por Sergio Moro


(Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

O governo quer encerrar nesta semana a transferência do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) para o Banco Central (BC) , o que resultará na saída imediata do atual presidente do órgão, Roberto Leonel . Ele foi indicado pelo ministro da Justiça, Sergio Moro , e, nas últimas semanas, tornou-se alvo da insatisfação do presidente Jair Bolsonaro. A medida provisória (MP) que promove essa mudança foi assinada na última sexta-feira pelo ministro da Economia, Paulo Guedes , e enviada à Secretaria-Geral da Presidência. O texto está sob análise técnica e a expectativa dentro do ministério da Economia é que ela seja publicada a partir de amanhã, informa reportagem do jornal O Globo.


Clique na imagem e participe do EUM channel, nosso CANAL no aplicativo de mensagens TELEGRAM

Ontem, Leonel foi protagonista do mais recente capítulo da Vaza Jato, acusado de quebrar sigilos fiscais informalmente, para atingir alvos definidos pela força-tarefa da Lava Jato, nos processos contra o ex-presidente Lula. Em resposta, a defesa de Lula apontou que Leonel cometeu crime, que tem como resposta a cadeia. Leonel foi defendido pela Lava Jato, mas não se manifestou. Sem o Coaf, ele pode antecipar sua aposentadoria.


via O GLOBO / Brasil 247

SIGA Et Urbs Magna

FacebookTwitterInstagram
Anúncios