Bolsonaro é chamado de fascista de merda no Chile

24 24-03:00 março 24-03:00 2019 0 Por Redação Urbs Magna
Bolsonaro é chamado de fascista de merda no Chile

O “Fora, Bolsonaro” já começou, primeiro nos EUA, agora no Chile

Para o mundo, se torna mais e mais evidente que a nossa verdade foi perdida. E não parece que a razão brasileira vai encontrar a verdade jogada na beira da estrada, acessível assim… porque não está. Há de se considerar que é preciso iniciativa para buscar e entender o que se passa com o Brasil. Como disse no ano passado o General Hamilton Mourão em entrevista de campanha, “O Brasil não é para amadores”. E os eleitores de Bolsonaro são os que mais se distanciam da verdade imutável. A página da Prensa Opal, mídia chilena, no Facebook publicou:

“Pinochet ordena a morte de milhares, entre esses ao seu pai. Depois vem um fascista de merda como o Bolsonaro e diz que o problema é que ele deveria ter matado mais. Você vai almoçar com ele?”

Primeiro é preciso entender que Augusto Pinochet, além ter exterminado milhares de oponentes ao seu regime no Chile, também era traficante de drogas que ajudou a disseminar cocaína nos EUA e Europa. Além disso, implantou a Capitalização Previdenciária por lá cujos resultados apontam para uma tragédia, literalmente falando, vivida no país hoje com idosos que mal conseguem sobreviver e que tiram suas próprias vidas para não serem um problema para familiares.

ASSISTA AOS PROTESTOS NO CHILE:

Dino Barsa para o Et Urbs Magna

Receba nossas atualizações direto no seu WhatsApp – Salve nosso número em sua agenda e envie-nos uma mensagem – É GRÁTIS – ACESSE AQUI

Doe ao Et Urbs Magna

𝙲𝙾𝙽𝚃𝚁𝙸𝙱𝚄𝙰 𝚌𝚘𝚖 𝚘 𝚅𝙰𝙻𝙾𝚁 𝚀𝚄𝙴 𝙳𝙴𝚂𝙴𝙹𝙰𝚁 (O valor está expresso em Dólar americano) Para alterar o valor a contribuir, basta alterar o MULTIPLICADOR na caixa correspondente 𝐀 𝐩𝐚𝐫𝐭𝐢𝐫 𝐝𝐞 𝐔𝐒𝐃 $ 𝟏𝟎 / 𝐔𝐒𝐃 $ 𝟏𝟎𝟎 / 𝐔𝐒𝐃 $ 𝟏.𝟎𝟎𝟎 / 𝐔𝐒𝐃 $ 𝟏𝟎.𝟎𝟎𝟎

$10.00

Anúncios