Governo Bolsonaro quer Médicos Cubanos de volta e corre atrás dos que foram expulsos, mas ainda estão no Brasil, chamando-os de ‘colegas’ e ‘irmãos’

8 08-03:00 janeiro 08-03:00 2019 3 Por Redação Urbs Magna
Governo Bolsonaro quer Médicos Cubanos de volta e corre atrás dos que foram expulsos, mas ainda estão no Brasil, chamando-os de ‘colegas’ e ‘irmãos’

O governo de Jair Bolsonaro está atrás dos médicos cubanos que permaneceram no Brasil após o fim do convênio com Cuba no programa Mais Médicos.

A responsável pelo programa no Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro, está enviando mensagens para os profissionais que desejam continuar a atuar no País chamando-os de “colegas e irmãos” e pedindo para que preencham um formulário.

A ideia é submeter os médicos a um curso preparatório para que prestem o “novo Revalida”.

Ela também diz que o governo estuda editar uma medida provisória para garantir a permanência dos cubanos no Brasil, segundo informações do Painel da Folha.

Receba nossas atualizações direto no seu WhatsApp – Salve nosso número em sua agenda e envie-nos uma mensagem – É GRÁTIS – ACESSE AQUI

Doe ao Et Urbs Magna

Somos o livre arbítrio; a liberdade; a verdade. Preocupamo-nos uns com os outros (ninguém solta a mão de ninguém); com os compatriotas; com a soberania; com o progressismo. Não cabem em nós a tirania; a ira; a mentira; a manipulação. Tudo o que desejamos é seu bem estar; sua felicidade; sua prosperidade. Queremos te encontrar e te acolher com uma palavra; um olhar; um gesto; um movimento. Esse é o certo. Queremos estar com você todos as horas; todos os dias; todos os meses e anos. Queremos saber que você está bem para ficarmos bem. CONTRIBUA com o VALOR QUE DESEJAR e continuamos se você quiser que continuemos. USD $ 1 / USD $ 10 / USD $ 100 / USD $ 1.000 / USD $ 10.000

$1.00

Anúncios