Superministro Moro perdoou Onyx, mas Juiz foi enganado. Tem mais R$ 100 mil que Lorenzoni não relatou – Vai vendo!

14 de novembro de 2018 1 Por Redação Urbs Magna
Superministro Moro perdoou Onyx, mas Juiz foi enganado. Tem mais R$ 100 mil que Lorenzoni não relatou – Vai vendo!

Receba nossas atualizações direto no seu WhatsApp 
Salve nosso número em sua agenda e envie-nos uma mensagemwhatsapp 


​​Do Brasil 247 “Uma planilha entregue por delatores da JBS à PGR (Procuradoria-Geral da República) sugere que o futuro ministro da Casa Civil, deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), recebeu via caixa dois uma segunda doação eleitoral, por ele não admitida até agora. No ano passado, o congressista confessou ter obtido da empresa, para a campanha de 2014, R$ 100 mil não declarados à Justiça Eleitoral. O documento agora revelado mostra que ele recebeu outros R$ 100 mil em 2012. O pagamento a ‘Onyx-DEM’ foi feito em 30 de agosto daquele ano, em meio às eleições municipais. Segundo os colaboradores, o dinheiro foi repassado em espécie”, informa reportagem de Fábio Fabrini, publicada na Folha.

“Os dois pagamentos estão sendo investigados pela Procuradoria desde agosto, por ordem do ministro do Supremo Tribunal Federal Edson Fachin. A pedido da PGR, ele determinou a instauração de uma petição autônoma —espécie de apuração preliminar— sobre as suspeitas de contribuições ilegais a Onyx e mais 35 políticos”, diz ainda o jornalista. Onyx não quis se pronunciar.

Questionado sobre a situação de Onyx, o juiz Sergio Moro, futuro ministro da Justiça, disse ter admiração por ele pela defesa que o deputado fez, no Congresso, das medidas anticorrupção, e lembrou que o deputado pediu desculpas.


Anúncios