‘DISCÍPULOS’ DE BOLSONARO VANDALIZAM PLACA EM HOMENAGEM À MARIELLE FRANCO NA CINELÂNDIA

BRASIL ELEIÇÕES 2018 POLÍTICA Vídeos Violência

Et Urbs Magna, 04 de OUTUBRO de 2018, 01:55 GMT


“Bombadão” de Bolsonaro vandaliza placa de Marielle na Cinelândia

Os brutamontes justificaram o vandalismo dizendo que a a placa era “ilegal”. Os matadores de Marielle ,certamente, acham o mesmo.


NEWS WHATSAPP


Do Tijolaço – Um policial militar e candidato a deputado federal na chapa de Jair Bolsonaro, Daniel Silveira (na foto, à esquerda) , com a ajuda de Rodrigo Amorim, candidato a estadual e ex-vice de Flávio Bolsonaro em sua candidatura a prefeito do Rio em 2016, arrancaram e cortaram a placa que homenageava a vereadora Marielle Franco, assassinada no início do ano.

Os brutamontes justificaram o vandalismo dizendo que a a placa era “ilegal”.

Os matadores de Marielle ,certamente, acham o mesmo.

Aliás, em matéria de achar, é bom lembrar que quase sete meses depois do fuzilamento da vereadora e de seu motorista Anderson Gomes, a intervenção militar no Rio de Janeiro não achou os culpados.

Mas nós já descobrimos que há uma legião de corpos hipertrofiados, com cérebro minúsculo, achando que representar a população é depredar homenagens aos mortos.

E ainda se exibirem, vaidosos, louvando a própria selvageria.


YouTube-icon-our_iconSubscreva Et Urbs Magna no Youtube  VÍDEO RELACIONADO 


Anúncios

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.