ASSASSINOS DE MADURO RECEBERIAM U$50 MILHÕES E RESIDÊNCIA NOS EUA, INFORMA IMPRENSA INTERNACIONAL

EUA MUNDO NOTÍCIAS POLÍTICA

Eventuais assassinos de Maduro teriam vida de luxo nos Estados Unidos


whatsapp  Receba nossas atualizações direto no WhatsApp


Do LaIguanaTV – Cinquenta milhões de dólares e residência permanente nos Estados Unidos. Essa foi a oferta que terroristas receberam (dos EUA) para atacar com drones o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro.

Rayder Russo, da Colômbia, e Osman Delgado, residente nos EUA, ambos envolvidos no ataque ao ‘Forte Paramacay’, estariam por trás da operação terrorista contra o mandatário venezuelano naquele sábado (4).

ASSISTA AO VÍDEO DO ATENTADO

A oferta foi dada por meio de um vídeo detalhado, com declarações dos eventuais assassinos que se comprometeram com o ataque.

Inicialmente, o atentado havia sido marcado para 5 de julho, mas houve atraso na chegada do material atrasando a operação até a data conhecida do atentado.


LOGO FOOTER ET URBS MAGNA

NAS REDES SOCIAIS


whatsapp  Receba nossas atualizações no WhatsApp
YouTube-icon-our_icon  
Subscreva Et Urbs Magna no Youtube
facebook pages  Curta Et Urbs Magna no Facebook
facebook groups  Grupo no Facebook PROGRESSISTAS POR UM BRASIL SOBERANO
twitter icon  Et Urbs Magna no Twitter


 

Anúncios

2 thoughts on “ASSASSINOS DE MADURO RECEBERIAM U$50 MILHÕES E RESIDÊNCIA NOS EUA, INFORMA IMPRENSA INTERNACIONAL

  1. O governo americano, pode a qualquer custo, cometer terrorismo, invadir nações legalmente soberanas, com bombardeios matando inocentes e derrubando presidentes eleitos por vontade popular, e parte do mundo fascistas nada falam, a ONU, essa então, acovarda-se diante das atrocidades vinda de países segregador. onde estamos?.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.