MÍDIA PERDIDA SENTE FALTA DE LULA NAS PESQUISAS

BRASIL ELEIÇÕES 2018 Golpe 2016 NOTÍCIAS POLÍTICA

As três revistas brasileiras — “Veja”, “Época” e “IstoÉ” – que sintetizam o pensamento do consórcio golpista – mostram em suas capas desta semana que estão mais perdidas do que nunca, às vésperas das eleições presidenciais.

“Veja”, por exemplo, praticamente entrega de bandeja o senador Aécio Neves (PSDB-MG) que há pouco tempo atrás estampava como salvação do Brasil e o estimulava para dar o golpe contra Dilma Rousseff (PT). Segundo a publicação da Editora Abril, o tucano vai afetar negativamente a candidatura de Geraldo Alckmin (PSDB) na disputa presidencial deste ano.

O encarte da “Época” preferiu de fake news nas redes sociais, especialidade dela e da Globo. Uma das principais vítimas das notícias falsas é a presidenta nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, que a “reportagem” sequer menciona. Vide esta semana a entrevista que a porta-voz do ex-presidente Lula concedeu à TV Al Jazeera, mas a “Lorotolândia” que a revista traz na capa não menciona.

a IstoÉ abandona Alckmin e transforma o amor que tinha por Michel Temer como amor de praia, que não sobe serra. Apresenta o ex-ministro do STF Joaquim Barbosa como um “fator” nas eleições de outubro. “Ele é visto como o candidato que moralizará o País”, frisa a revista.

Como se vê, a mídia está mais perdida do que antes. Por isso a candidatura de Lula, mesmo preso, é fundamental para manter unido o exército não só da esquerda, mas o sentimento de oposição a tudo que aí está.

Subscreva nosso Canal do Youtube e tenha acesso a todos os vídeos. Curta nossa Página no Facebook e receba em primeira mão todas as postagens. Entre para o Grupo PROGRESSISTAS POR UM BRASIL SOBERANO e acompanhe as propostas para um país mais igualitário. Siga-nos no Twitter.

Urbs Magna via Blog do Esmael

Anúncios

1 thought on “MÍDIA PERDIDA SENTE FALTA DE LULA NAS PESQUISAS

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.