Áudio: Cristiane ‘vergonha do’ Brasil disse demitir quem não votasse nela

BRASIL DIREITOS HUMANOS ELEIÇÕES 2018 NOTÍCIAS PENSAMENTO POLÍTICA

A deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) já ameaçou servidores públicos de perda de emprego caso não votassem nela. A gravação foi feita em uma reunião quando ela era vereadora no Rio, em 2014. O Fantástico teve acesso ao material.

“Arranjar emprego tá difícil. Eu só tenho um jeito de manter o emprego de vocês. Me elegendo. E eu preciso de vocês pra isso”, diz o áudio obtido pelo programa da TV Globo.

Cristiane é indicada para assumir o Ministério do Trabalho e alvo de uma série de acusações. Sua posse chegou a ser marcada e cancelada duas vezes por decisões judiciais. Ela é condenada em ações trabalhistas, investigada por suposta associação ao tráfico de drogas e por recebimento de caixa 2 em eleições. Relembre algumas acusações contra a deputada.

A petebista, de 44 anos, ingressou na política em 2003, como secretária extraordinária da Terceira Idade da prefeitura do Rio. Depois, foi vereadora no Rio entre 2004 e 2012. De 2009 a 2014, foi secretária especial do Envelhecimento Saudável e Qualidade de Vida, durante a gestão de Eduardo Paes (PMDB). Em 2014, foi eleita para a Câmara Federal.

“Eu só tenho um jeito de manter o emprego de vocês. Me elegendo”, disse a então candidata a deputada federal. Cristiane acabou eleita com pouco mais de 80 mil votos. Segundo a reportagem, o áudio é de uma reunião na pasta com cerca de 50 servidores.

A gravação mostra ainda a deputada indicando como os funcionários poderiam conseguir votos. “Eu preciso de uma coisa que está na mão de vocês, que é a credibilidade junto ao idoso”, disse a deputada em determinado trecho do áudio. “Se cada um no âmbito familiar me trouxer 30 fidelizados..’Pô, tu é minha mãe. Se tu não votar nela, eu perco o emprego’”, completou.

Indicada ao cargo de ministra do Trabalho, ela teve sua posse suspensa duas vezes e aguarda decisão do plenário do STF. A ação contra Cristiane alega falta moralidade administrativa da deputada, que tem contra si duas condenações por dívidas trabalhistas. Nesta semana, ela divulgou vídeo nas redes sociais em uma lancha, acompanhada de homens de torso nu, se defendendo das condenações trabalhistas.

As informações são de reportagem do Estado de S.Paulo.

Anúncios

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.