Intestino e Fígado saudáveis com ‘kvass de beterraba’ e nunca mais vá ao médico

capture-20170916-1104521 xícara antes das refeições e a fadiga e os sintomas de cândida desapareceram imediatamente.

Kvass é uma bebida fermentada de origem russa, rica em lactobacilos, geralmente feita a partir de um pedaço de pão seco ou da própria massa crua do pão. Refresca, alimenta e é muito popular. 

Tem sido amplamente usado na Europa em terapias contra o câncer. É também excelente contra fadiga, sensibilidade a produtos químicos, alergias e problemas digestivos. 

Médicos naturalistas o consideram um verdadeiro tônico restaurador de todo o aparelho digestivo.

O kvass de beterraba aparentemente ajuda no controle da candidíase por seus extraordinários poderes curativos: grande tônico do sangue, promove a regularidade intestinal, ajuda a digestão, alcaliniza o sangue, limpa o fígado e é um bom tratamento para pedras nos rins. 

A receita que vamos ensinar segue fielmente a versão original:

  • 2 beterrabas médias ou 3 pequenas, sem casca, picadas com faca
  • 1 quarto de xícara de soro de leite feito em casa – colocar leite numa vasilha e deixar talhar, coar num pano e colher o soro em outra vasilha (o  coalho, pendurado numa trouxinha de pano durante a noite, vira um queijinho para quem não está em dieta)
  • 1 colher de chá de sal

 MODO DE PREPARO:

  1. Coloque as beterrabas picadas, o soro e o sal num vidro de um litro e complete com água filtrada.
  2. Mexa, tampe bem e mantenha em temperatura ambiente por dois dias. Vai fermentar (haverá a formação de bolhinhas).
  3. Depois guarde na geladeira. Coe e beba.
  • Tome uma ou duas xícaras por dia, tirando-as da geladeira algumas horas antes.
  • Quando o kvass estiver quase acabando, encher novamente o vidro com água filtrada, tampe bem, deixe outra vez dois dias em temperatura ambiente e guarde na geladeira.
  • Consuma e depois descartar tudo, começando novamente com beterrabas frescas.
  • Em vez de picar a beterraba, você pode triturá-las. Mas, além de dar mais trabalho, o sabor fica mais forte.

Fonte: curapelanatureza

Anúncios

Sobre dibarbosa

O autor estudou Letras, Língua Portuguesa, Latim, Grego, Espanhol, na Universidade Federal do Rio de Janeiro, Gestão da Informação na Universidade Federal do Paraná e Geografia no Setor de Ciências da Terra do Centro Politécnico da UFPR. Conhece os Estados de Alagoas, Sergipe, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo, Goiás, Mato Grosso, Paraná, Santa Catarina e Bahia, passagens geográficas que influenciaram decisivamente em sua formação cultural levando-se em conta a grande diversidade étnica brasileira, o que também teve um papel fundamental na consolidação de sua sensibilidade literária. É autor de três livros intitulados "A Urbs Magna", "Teu Olho Direito É Meu" e "Kiosk 25", todos sob o codinome Dino Barsa, além de dezenas de poemas e outros pequenos projetos ainda em construção. Tem a música como hobby e, sendo instrumentista desde o início da adolescência, raramente passa o tempo sem seus instrumentos preferidos: a gaita de boca e o violão. Ainda, é adepto da alimentação com base nos superalimentos em associação com atividades físicas. Tem como costume a prática da empatia como forma de enxergar melhor o vasto mundo em que vivemos. Todos são bem-vindos.

1 Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s