Salve os Doutores Cosme & Damião

atualização em 26set16 23:29GMT

Discriminados pela ignorância crescente do povo do Brasil, os dois santos que alegravam as crianças de Norte a Sul vão sendo esquecidos e apagados da memória da cultura nacional.

Cosmas_and_DamianAinda me impressiona a quantidade de barreiras que o ser humano é capaz de inventar para a vida…a quantidade de preconceitos que cria para um mundo que já não tem mais espaço para isso. Um mundo que já respira por aparelhos, mas que ainda luta contra a intolerância.

A polêmica da semana é o dia de São Cosme e São Damião. Para mim, particularmente, é uma semana que já cheira a alegria e felicidade. Tristeza foi crescer e não poder mais estar de porta em porta buscando doces, estar com os amigos correndo. Hoje estou do outro lado dos muros, ensacando e distribuindo minha gratidão em forma de doces.

A cultura de São Cosme e São Damião se originou da caridade, da bondade de dois jovens meninos, prodígios, médicos e cristãos, sim, religiosos, que dedicaram suas vidas a curar os mais pobres. Os doces eram sua marca, foi a forma que eles encontraram de acalmar as crianças que precisavam ser medicadas…Muitos pediatras ainda fazem isso..

Sendo eles um exemplo a ser seguido, em sua homenagem e lembrança, lembrança de amor, foi criado o hábito da distribuição de doces. Por isso, com o livre arbítrio dado por Deus mais a liberdade garantida constitucionalmente pelo Estado, ninguém é obrigado a gostar ou mesmo aceitar os doces, mas também não é necessário viver na ignorância e propagando discurso de ódio.

Eu e meus amigos sempre pegamos doces e nenhum de nós morreu envenenado ou enfeitiçado pelos demônios que são pintados com base em um fundamentalismo pavoroso. O único demônio que existe na história de São Cosme e São Damião é a intolerância somada a ignorância e muitas vezes a esperteza de quem lucra com esse preconceito.

Nos lembremos que a língua é o chicote do homem, então antes de falar, de levantar bandeira, fuja da ignorância que cega aos olhos e a mente. São Cosme e São Damião são inspiração de caridade, igualdade, carinho e fé. Não manchemos a sua história.

Fonte: facebook

 
Anúncios

Sobre dibarbosa

O autor estudou Letras, Língua Portuguesa, Latim, Grego, Espanhol, na Universidade Federal do Rio de Janeiro, Gestão da Informação na Universidade Federal do Paraná e Geografia no Setor de Ciências da Terra do Centro Politécnico da UFPR. Conhece os Estados de Alagoas, Sergipe, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo, Goiás, Mato Grosso, Paraná, Santa Catarina e Bahia, passagens geográficas que influenciaram decisivamente em sua formação cultural levando-se em conta a grande diversidade étnica brasileira, o que também teve um papel fundamental na consolidação de sua sensibilidade literária. É autor de três livros intitulados "A Urbs Magna", "Teu Olho Direito É Meu" e "Kiosk 25", todos sob o codinome Dino Barsa, além de dezenas de poemas e outros pequenos projetos ainda em construção. Tem a música como hobby e, sendo instrumentista desde o início da adolescência, raramente passa o tempo sem seus instrumentos preferidos: a gaita de boca e o violão. Ainda, é adepto da alimentação com base nos superalimentos em associação com atividades físicas. Tem como costume a prática da empatia como forma de enxergar melhor o vasto mundo em que vivemos. Todos são bem-vindos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s