Crivella: “Se Pezão está na frente, então sou o primeiro”

7“Se nas pesquisas estou em segundo, isso quer dizer que estou em primeiro”, é o absurdo dito por Crivella, no Rio de Janeiro, sobre a vantagem de Pezão divulgada pelo DataFolha e que prenuncia o resultado do segundo turno.

O Bispo Senador Marcelo Crivella está com 44% das intenções de voto contra 56% de Luiz Fernando Pezão, segundo o DataFolha, o que levou o religioso político a blasfemar sobre a pesquisa realizada pelo instituto indagando tanto sobre a veracidade do relatório quanto sobre a credibilidade dos profissionais que o elaboraram. Isso não é nada bonito para um hábil orador da Igreja Universal  que, fielmente, já arrebanhou multidões para seu tio e ex-patrão Bispo Edir Macedo. O religioso, que já esteve na África implantando filiais da IURD e levando a palavra do Senhor para seu povo por 10 anos, não está convencendo a maioria dos cariocas e fluminenses. Mas a desesperada afirmação impensada faz parte de um processo pré-eleitoral que já conhecemos muito bem. Quando os políticos estão ameaçados, começam a improvisar com respostas repentistas e assim correm o risco de tropeçar e demonstrar sua real personalidade. Mas no caso de Crivella há uma questão mais afortunada de apelação para sua defesa através do álibi de uma possessão momentânea do demônio que, certamente, já deve ter sido expulso por seus mais fiéis e experientes obreiros.

Anúncios

Sobre dibarbosa

O autor estudou Letras, Língua Portuguesa, Latim, Grego, Espanhol, na Universidade Federal do Rio de Janeiro, Gestão da Informação na Universidade Federal do Paraná e Geografia no Setor de Ciências da Terra do Centro Politécnico da UFPR. Conhece os Estados de Alagoas, Sergipe, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo, Goiás, Mato Grosso, Paraná, Santa Catarina e Bahia, passagens geográficas que influenciaram decisivamente em sua formação cultural levando-se em conta a grande diversidade étnica brasileira, o que também teve um papel fundamental na consolidação de sua sensibilidade literária. É autor de três livros intitulados "A Urbs Magna", "Teu Olho Direito É Meu" e "Kiosk 25", todos sob o codinome Dino Barsa, além de dezenas de poemas e outros pequenos projetos ainda em construção. Tem a música como hobby e, sendo instrumentista desde o início da adolescência, raramente passa o tempo sem seus instrumentos preferidos: a gaita de boca e o violão. Ainda, é adepto da alimentação com base nos superalimentos em associação com atividades físicas. Tem como costume a prática da empatia como forma de enxergar melhor o vasto mundo em que vivemos. Todos são bem-vindos.

4 Respostas

  1. Sandro Gonçalves

    Agora é muita cara de pau do Crivella falar isso né. No primeiro turno as pesquisas erraram até um certo ponto, depois elas mostraram que o Pezão estava na frente e isso se concretizou no dia da eleição. Doce ilusão dele achar que no dia o jogo vai virar.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s