Martin Luther King foi assassinado pela CIA, revela Snowden

28/08/2013 2 Por Redação Urbs Magna
Martin Luther King foi assassinado pela CIA, revela Snowden

Snowden disse, através do microblog twitter, que tem provas de que o líder negro Martin Luther King foi assassinado pela CIA

Snowden disse também a jornalistas que tinha prova de que Martin Luther King foi assassinado em uma conspiração secreta da CIA.

MOSCOU – Edward Snowden, o delator da NSA que revelou ao mundo os documentos secretos da CIA compartilhando-os na Internet, disse a repórteres que indiscutivelmente tem provas de que Martin Luther King foi assassinado pela CIA. Snowden escolheu o dia de comemoração do 50º aniversário da morte de Martin Luther King para liberar documentos com provas impressionantes por sua importância simbólica para os americanos. Este feriado é um momento para recordar o famoso discurso “Eu tenho um sonho” que se transformou em um pesadelo em muitas áreas urbanas onde as escolas ainda são segregadas e a única forma de mobilidade social da esquerda é o tráfico de drogas. Snowden disse acreditar que um grupo rebelde dentro da CIA agiu impunemente contra os negros. O mesmo grupo que assassinou John Hennedy e que também contratou cientistas que inventaram o crack. Então, eles enviaram agentes para os centros urbanos negros para ensinar os traficantes tudo sobre o crack, garantindo que o desequilíbrio socioeconômico continuasse a favorecer os brancos. Não é uma coincidência que, na guerra contra as drogas tenha sido preso milhões de negros? Com base nisso esta conspiração dentro da CIA tinha mais fidelidade à Ku Klux Klan do que com o governo dos EUA e parece que ainda está operando até hoje. É hora de deixar o povo de Martin Luther King ir. Eles já estão sofrendo há tempo suficiente. “

Anúncios