IBGE lança Pesquisa Mensal de Serviços

O IBGE divulga, a partir de 21 de agosto de 2013, a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), implantada com o objetivo de medir e acompanhar as atividades do setor de serviços. Isso porque o setor vem ganhando importância na economia, respondendo hoje por 67,5% do valor adicionado bruto (renda gerada pela atividade econômica) do PIB e 62,1% dos postos de trabalho. Como a PMS abrange as atividades que constituem o segmento empresarial não financeiro, excluindo-se os setores da saúde, educação, administração pública e aluguel imputado (valor que os proprietários teriam direito de receber se alugassem os imóveis onde moram), o âmbito de investigação corresponde a 36,5% do valor adicionado bruto e 34,6% dos postos de trabalho.
A PMS é o primeiro indicador conjuntural mensal que investiga o setor de serviços no país. Os primeiros estudos para a elaboração da pesquisa se iniciaram em 2009. A publicação trará os resultados da receita nominal para o índice geral e por atividade. Haverá dados para Brasil e unidades da federação.
Além de apresentar as tabelas de resultados e os comentários preparados pelo IBGE, a PMS também estará no Sistema de Recuperação de Dados Agregados (SIDRA, http://www.sidra.ibge.gov.br), que permite a construção de tabelas de acordo com informações selecionadas pelo próprio usuário. O calendário de divulgação da PMS em 2013 está disponível em http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/pesquisas/indicadores.php.
Para entender como funciona esta nova pesquisa conjuntural e auxiliar na preparação de matérias, jornalistas de diversos meios de comunicação participam hoje, 22 de julho de 2013, de um seminário na sede do IBGE, no Rio de Janeiro, onde os pesquisadores responsáveis pela pesquisa apresentarão seus aspectos metodológicos.
A apresentação da pesquisa e sua metodologia podem ser consultadas pelo link
http://www.ibge.gov.br/home/presidencia/noticias/pms_02072013.shtm.
Série histórica da PMS tem início em janeiro de 2012
Além dos resultados de junho de 2013, a divulgação da PMS no dia 21 de agosto também vai trazer uma série histórica de informações, iniciada em janeiro de 2012.
A partir da investigação da receita bruta das empresas do setor de serviços, o índice geral terá resultados para Brasil e as 27 unidades da federação. Já o índice por atividade trará um maior detalhamento para Brasil (cinco grupos, desagregados em dez atividades) e um menor nível de desagregação (apenas os cinco grupos) para 12 estados selecionados: Ceará, Pernambuco, Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Goiás e Distrito Federal.
PMS divulgará quatro tipos de índice
A PMS vai divulgar quatro tipos de índice: o índice de base fixa, que permite o cálculo da variação de um mês contra a média do ano de 2011; o índice mês frente a igual mês do ano anterior; o índice acumulado no ano; e o índice acumulado em 12 meses. Inicialmente, não haverá divulgação de dados com ajuste sazonal (mês contra mês imediatamente anterior), pois a dessazonalização requer a existência de uma série histórica de aproximadamente quatro anos. Uma vez que o informante pode corrigir os dados do mês anterior ao de referência, os indicadores da PMS podem sofrer alterações até o mês posterior à publicação original (revisão).
Amostra da PMS abrange 9,5 mil empresas
A PMS investiga as empresas de serviços que possuam 20 ou mais pessoas ocupadas, cuja principal fonte de receita seja a atividade de prestação de serviços e estejam sediadas em território nacional. Para os estados da região Norte (Rondônia, Acre, Amazonas, Roraima, Pará, Amapá e Tocantins), são incluídas apenas as que estão sediadas nos municípios das capitais, exceto o Pará, onde são consideradas também aquelas que estão nos municípios da região metropolitana de Belém. A amostra é composta por cerca de 9,5 mil empresas, distribuídas nos 27 estados.

Comunicação Social
22 de julho de 2013

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s