FARC a um passo de desaparecerem da Colômbia

9 de junho de 2013 0 Por Redação Urbs Magna

Bogotá, 09/06/2013

As FARC desaparecerem de verdade, não. Mas mudarem drasticamente de roupa e personalidade.

Bandeira símbolo das FARC. A proposta do governo colombiano é retirar as armas e reconhecer a ideologia do movimento, oficializando-o.

Humberto De La Calle – principal negociador oficial nas negociações de paz entre o governo colombiano e as Farc – disse que os guerrilheiros terão garantias caso decidam se tornar um partido político na Colômbia.

Humberto de la Calle foi Vice Presidente da Colômbia de 1994 a 1997 e é o principal negociador do governo colombiano com as FARC

“A idéia é acabar com o conflito e estabelecer regras de modo a permitir e garantir às FARC trânsito livre dentro e fora do país com um novo perfil político: um partido sem armas”, disse La Calle em entrevista ao jornal El Tiempo.

Nas negociações de paz que acontecerão em Havana, com o apoio internacional, pretende-se que as Farc tornem-se uma força política sem armas.

“Os guerrilheiros poderão se aventurar na arena eleitoral iniciando em bases menores, à partir das regionais”, disse ele.

De La Calle fez alusão à negociação do tema de participação na política colombiana, que se iniciará entre o governo do presidente colombiano Juan Manuel Santos e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC), em Cuba na próxima terça-feira 11/06/2013.

Anúncios